Arts + Handicrafts

Arts + Handicrafts

A tradição dos palmitos, os "raminhos da Páscoa"

Susana Campos tem 42 anos e começou a fazer palmitos "desde que se conhece". Lembra quando ela e a irmã, pequeninas, iam benzer o seu "raminho" e viam os ramos trabalhados de quem vinha de Espanha. Foi essa imagem que as fez inovar os palmitos e fazê-los diferentes dos mais tradicionais, com desenhos e entrançados pouco comuns. Susana vende centenas de palmitos na semana dos ramos, antes da Páscoa. Iniciam o processo em Janeiro, com palma que vem das Canárias que tem um tratamento para se aguentar "branquinha". Por tradição, os "raminhos" são oferecidos pelos afilhados aos padrinhos para receberem as amêndoas e são adornados com alecrim, oliveira e flores.