Dinheiro Vivo

Ato único: O que é e para que serve

Elisabete Tavares e Luís Stoffel, Dinheiro Vivo21h24 — 21 Fevereiro 2020

Ato isolado ou ato único permite passar um recibo sem abrir atividade nas Finanças como trabalhador independente.
Só é possível passar um recibo por ano. O valor não pode ultrapassar os 25.000 euros. O ato único implica o pagamento de IVA, com algumas exceções, e do imposto de selo. Não será necessária fazer retenção na fonte em sede de IRS no caso de rendimentos abaixo dos 10.000 euros.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG