França

Tem 96 anos e juntou-se aos coletes amarelos em Paris

Jornal de Notícias19h00 — 03 Dezembro 2018

Combateu na II Guerra Mundial e, aos 96 anos, terá sido o manifestante mais velho no protesto deste fim de semana dos coletes amarelos em Paris, onde ficaram feridas 133 pessoas e 412 foram detidas. Em Arles morreu uma pessoa.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG