Festa para uns, banho de sangue para outros

Enquanto israelitas recebiam em festa os representantes dos EUA para a inauguração da embaixada norte-americana em Jerusalém, na Faixa de Gaza ocorria um banho de sangue. Forças israelitas mataram 55 palestinianos em protesto e fizeram mais de 2700 feridos. Que consequências da polémica decisão de Trump?