Alterações climáticas

A "última área de gelo do planeta" está a derreter

Pela primeira vez desde que há registo de satélite, o gelo mais velho e mais espesso do Ártico está a quebrar-se. Isso significa que há novas passagens em sítios que estariam normalmente congelados, até no verão. Está a acontecer a norte da costa da Gronelândia e é já a segunda vez este ano.