TSF

A matança em nome de Charles Manson foi há 50 anos

Faz esta sexta-feira 50 anos que os seguidores de Charles Manson mataram sete pessoas, entre eles a atriz Sharon Tate. O líder do culto não sujou as mãos de sangue, mas cumpriu prisão perpétua até morrer, em 2017. O crime já inspirou dezenas de filmes, entre eles "Era Uma Vez em Hollywood", de Quentin Tarantino, que estreia dia 15 em Portugal.