Extravagância é uma Harley-Davidson com 360 diamantes

Custa mais de 1,6 milhões. Acelerar é uma irresponsabilidade.

É a mota mais cara do mundo? É bem possível. Esta Harley-Davidson custa mais de 1,6 milhões de euros, o valor justo por 2.500 horas de trabalho, 360 diamantes e outras extravagâncias.

A mota, capaz de chegar aos 186 quilómetros por hora, foi concebida pela marca de relógios e joias suíça Bucherer.

Uma equipa de oito pessoas tratou de tudo: dos diamantes, dos parafusos em ouro rosa, do assento em pele feito à mão.

Se está interessado em ver esta mota/joia, encontra-a nas próximas semanas na loja da Bucherer, na cadeia Selfridges, em Londres.