Artesanato

Fazia bonecos para as netas e acabou por criar os "papeludos"

António Costa tem 71 anos, trabalhou como empregado de mesa durante décadas e vive em Viana do Castelo. Reformou-se há nove anos e foi para passar o tempo e dar um mimo às duas netas que começou a fazer estes bonecos de pasta de papel. Hoje, vende os "papeludos" em feiras e por encomenda para todo o lado.