Responsabilidade social

Microsoft exige que subcontratadas paguem licenças parentais

A Microsoft garante que está envolvida num processo de valorização dos direitos dos funcionários das muitas empresas que são subcontratadas pela gigante informática. Agora, exige que lhes seja dada licença parental - será uma nova tendência de conciliação entre trabalho e vida familiar ou uma medida avulsa?