Bullying imobiliário

Manual para expulsar moradores em Lisboa

Degradar intencionalmente o prédio, submeter os moradores a obras constantes, cortar eletricidade e água. São algumas das técnicas usadas por proprietários no centro de Lisboa para forçar os inquilinos a sair de casa - e, dessa forma, aplicar uma renda mais alta ao imóvel. Chama-se "bullying imobiliário" e há ativistas que defendem que deve ser crime.